Analytics & Big Data Forum

11 de outubro - Centro Cultural de Belém

O Analytics & Big Data Forum irá mostrar como pode acelerar a tomada de decisões, integrar e agilizar processos, criar novas oportunidades de negócio e fornecer informações em tempo real com soluções que se adaptam à sua Organização.

Junte-se a nós, num evento de um dia, para enriquecer os seus conhecimentos sobre as últimas tendências e inovações que permitem gerar insights dos dados para obter as melhores decisões de negócio, bem como, ouvir casos de sucesso de organizações de renome como a Metlife, Johnson & Johnson Consumer, TAP Portugal, NOS, Grupo Pestana e SUMA.

Agenda

9:00
9:00 - 9:30
Registos e Welcome Coffee
9:30
9:30 - 9:35
Boas-Vindas e Introdução ao Analytics & Big Data Forum
9:35
9:35 - 10:00
Como dar inteligência ao seu negócio?

Num cenário onde os detalhes fazem a diferença entre o sucesso e o insucesso das organizações, identificar soluções que tornem os gestores capazes de encontrar o melhor meio de nortear o crescimento da sua empresa, é um trunfo fundamental. Empresas inteligentes são empresas orientadas a dados. Cada vez produzimos mais dados e o grande desafio é precisamente como tirar partido e extrair valor de todo o volume de informação que é gerada, e transformar esses dados em insights.

10:00
10:00 - 10:30
BI4Ever?

A crescente relevância das capacidades analíticas na criação de vantagens competitivas e no desenvolvimento de novos produtos e serviços, bem como a velocidade vertiginosa a que surgem novas soluções tecnológicas e analíticas no mercado, colocam as empresas e os profissionais que atuam na área da Business Intelligence sob uma pressão constante no sentido de estarem habilitados para tirar partido da melhor tecnologia disponível e criar as soluções analíticas mais sofisticadas. Nesta intervenção, serão abordados alguns dos desafios que hoje despontam no contexto do Business Intelligence decorrente, nomeadamente, do Big Data e do impacto do mesmo nas arquiteturas das plataformas de BI, da emergência de um novo paradigma de capacidades cognitivas as a service, a que acrescem o dilema de apostar no self-service BI ou criar equipas de cientistas de dados (ou ambos) e as implicações do regulamento geral de proteção de dados. Nunca as oportunidades para a criação de valor alicerçada em plataformas de BI e ciência dos dados foram tão grandes, mas também nunca o ambiente em que as empresas atuam foi tão dinâmico e imprevisível.

11:30
11:30 - 12:00
Coffee break
12:00
12:00 - 12:30
Value chain and Data integration. A sustainable competitive advantage.

Num ambiente competitivo, onde apresentar uma experiência de excelência ao cliente é um dever e as tecnologias disruptivas oferecem novas possibilidades de compreender e conhecer os nossos clientes, a gestão de dados é fundamental. É por isso que a análise de dados deve ser definida como a primeira etapa das estratégias de transformação digital e as empresas devem alterar os processos internos para integrar toda essa informação na cadeia de valor. Esta é, definitivamente, uma vantagem competitiva sustentável.

12:30
12:30 - 13:00
Virtual Marketing Assistant using Natural Language Processing

Apresentação de um projeto onde utilizamos Natural Language Processing and Natural Language Generation para interagir com os dados da companhia, utilizando texto e voz, cujo objetivo, é revolucionar o acesso à informação substituindo os tradicionais relatórios / dashboards de BI por respostas simples a perguntas feitas por intermédio de um BOT altamente personalizado (seja por perguntas de voz e/ou escritas).

13:00
13:00 - 14:30
Almoço
Local:   Foyer GA Piso II 
14:30
14:30 - 15:00
Quebrar silos com a adoção de Self-Service

Promover o consumo de informação através do Self-Service nem sempre é tão simples quanto pensamos que deveria ser. Queremos que o negócio conheça toda a “história” antes de tomar as suas decisões e para o efeito lutamos por promover a melhor informação e as ferramentas mais adequadas. O Self-Service é um ótimo acelerador de aproximação do negócio à informação, mas o seu processo de adoção carece de um entendimento e alinhamento entre o IT e o Negócio, normalmente difíceis de gerir.
São pensadas as melhores estratégias e táticas para enriquecer o palco com o cenário perfeito, mas o sucesso da peça continua a depender maioritariamente dos atores.
Esta apresentação descreve a experiência deste percurso, incluindo algumas das lições aprendidas, constrangimentos e melhores práticas.

14:30
14:30 - 15:00
Data Science e o Big Data na transformação digital

São cada vez mais e maiores os investimentos nestas duas áreas, com o objetivo de criar valor adicional para as empresas, através da recolha e análise de informação cada vez mais variada e complexa. O objetivo desta apresentação é compreender em que consistem estas duas áreas, como podemos tirar proveito das oportunidades geradas por estas e como adequá-las á realidade e maturidade das várias empresas e setores.

15:00
15:00 - 15:30
NOS Mendeleev - Self Service BI@NOS

O DW-IT teve em mãos vários desafios colocados pela direção de Serviço ao Cliente no que diz respeito a acesso, preparação e apresentação dos seus indicadores oficiais.
Em resposta a esses desafios, surgiu o projeto Mendeleev, desenvolvido em parceria com a BI4ALL. Com uma arquitetura Business Driven dotou-se o Serviço ao Cliente de uma solução de Self Service BI que permitiu a captação de insights com grande velocidade, eficiência e clareza permitindo aos utilizadores, a criação, partilha e exploração de análises de negócios de forma autónoma e da forma mais produtiva para eles e para a sua função, gerando assim, mais valor para a NOS.
O Mendeleev deu inicio à adoção com sucesso da solução Microsoft Power BI.

15:00
15:00 - 15:30
Como definir uma estratégia data-driven?

Inseridas num ambiente cada vez mais competitivo, as organizações precisam de se reinventar e inovar, cada vez mais, para se manterem no mercado. Os dados são o combustível para o sucesso de qualquer organização, e os insights que deles obtém, ajudam as organizações a prosperar e a tomarem decisões mais inteligentes e assertivas com base em fatos e evidências, ao invés de usar a intuição. Com base numa boa governação dos dados e tecnologia adequada à realidade de cada empresa, chegou o momento de “contar histórias” baseadas em dados, usando-os a seu favor.

15:30
15:30 - 16:00
Analytics & Big Data no Turismo

Tal como na maior parte das indústrias modernas, também o Turismo está cada vez mais dependente da análise de enormes quantidades de dados. Nesta sessão será apresentado como o Pestana Hotel Group gere a informação de negócio que produz, como é tratada e utilizada pelas várias áreas do grupo, e que benefícios trouxe à sua operação. Será também abordada a sua visão para a evolução futura das suas soluções de Big Data & Analytics.

15:30
15:30 - 16:00
Cloud first. Strategy first

Como definir realmente uma estratégia? Como implementar? Consigo medir o retorno? Como ter em conta os meus requisitos específicos? São exemplos de questões que se colocam de forma critica se considerarmos a Cloud como uma realidade inevitável, e que tanto podem ter respostas complexas como simplificarmos o tema e ir passo a passo (mas rápido).

16:00
16:00 - 16:30
Aplicação SUMA Cognos – Do Express Planning ao Analytics

Apresentação da SUMA e desenvolvimento do Grupo. O departamento de controlo de gestão e performance no Grupo SUMA e o processo de planeamento e orçamentação. A implementação da aplicação IBM Cognos como sistema de orçamentação do Grupo. O que mudou com a implementação da solução e em que fase de desenvolvimento se encontra. Os desafios da prestação de informação de gestão num Grupo de 50 empresas presente em 4 continentes.

16:00
16:00 - 16:30
Como o Analytics e Big Data podem suportar melhores decisões ao Customer Service?

Que imagem tem do atendimento em Call Centers? Já teve a sensação de não conhecer os seus hábitos de consumo, enquanto cliente, onde repetiu mais do que uma vez que a oferta que lhe estão a propor não está enquadrada com o seu perfil? Até que nível deverão os operadores de Call Center ter acesso à informação personalizada do cliente?
O Big Data e a Inteligência Artificial permitem identificar reclamações esperadas e detetar padrões de consumo que auxiliam o departamento de marketing a adequar a estratégia ao seu público-alvo.

16:30
16:30 - 18:00
Cocktail

Leia alguns testemunhos da edição realizada em 2017

Testemunhos

Parceiros

Media Partner