8 Junho 2021

Inovação, inteligência e estratégias de Marketing assertivas

Tempos incertos pedem estratégias flexíveis e bem fundamentadas. Já todos tivemos oportunidade de confirmar este facto, que se se tornou mais premente como um dos muitos impactos das mudanças trazidas pela pandemia que ainda enfrentamos. Novos desafios foram colocados às empresas. Desde o cliente que se tornou mais digital, logo mais informado e menos impulsivo, passando pela capacidade de resposta empresa-cliente, que se quer cada vez mais ágil, rápida e eficiente, ou ainda pela necessidade de personalização da oferta.

Diariamente, nas empresas, são tomadas decisões importantes que terão impacto no futuro da organização e, consequentemente, na sua solidez financeira. A intuição e as opiniões que, há uns anos pautavam as decisões de negócio e estratégias de marketing, são agora substituídas por insights fidedignos e precisos que ajudam os decisores a seguir as estratégias e ações com maior probabilidade de sucesso. O marketing passou assim de uma “arte” em que todos opinam a uma ciência em que tudo é mensurável e analisado.

A resposta do Marketing a estes novos desafios passa pela análise preditiva, ou seja, a capacidade de antecipar tendências e de prever o comportamento do consumidor. O poder de antecipar o futuro é, sem dúvida, uma mais-valia poderosa para qualquer organização. Conhecer detalhadamente o mercado e o consumidor é o segredo para uma organização rentável e focada nos seus objetivos.

Qual será a melhor altura para o lançamento do novo produto? Qual a estratégia de marketing mais eficaz para o próximo semestre? Será este um bom investimento e quando irá a empresa obter retorno? São algumas das muitas questões que mais preocupam os profissionais de marketing. A verdade é que, hoje, devido ao grande volume de dados que as empresas possuem, é possível obter com exatidão essas informações.

Com recurso ao Data Analytics, aliado à Inteligência Artificial e ao Machine Learning, é possível conhecer e identificar padrões, que visam auxiliar a estratégia futura e reduzir os riscos para o negócio, bem como preparar a empresa para os desafios do amanhã. Através da análise histórica do comportamento dos clientes, é possível tomar decisões mais certeiras e fundamentadas, como exemplo, com base no histórico de compras e perfil de determinado cliente, consegue prever interesses e necessidades – a partir daí, a empresa poderá recomendar produtos e serviços personalizados, ajustar preços ou direcionar as campanhas com uma boa taxa de sucesso.

Para além das análises preditivas, as soluções de Data Analytics e Inteligência Artificial trazem outros inúmeros benefícios ao Marketing, como a automação, que tem forte impacto na eficiência e rentabilidade pois permite aumentar a produtividade e reduzir os erros através de workflows ágeis. Com ferramentas de automação de marketing consegue, por exemplo, ser mais eficiente ao longo do funil de vendas, melhorar o relacionamento com o cliente e gerar mais oportunidades de negócio.

Um estudo realizado pela Grand View Research adianta mesmo que o mercado global de automação de marketing deve atingir US $ 8,42 biliões até 2027.

Embora não seja novidade, são cada vez mais as empresas que recorrem a soluções de Data Analytics e Inteligência Artificial. Esta combinação do marketing com a tecnologia e o Data-Driven, além de trazer mais rapidez e suporte à tomada de decisões, permite uma análise avançada que facilita a antecipação e preparação para responder eficazmente a acontecimentos futuros.

Transversal a qualquer setor de atividade, as soluções tecnológicas disruptivas quando usadas no departamento de Marketing permitem atrair e reter os clientes com estratégias diferenciadoras e personalizadas, desenhar campanhas mais assertivas, prever a procura, potenciar a rentabilidade, bem como antecipar e identificar o impacto de várias ações implementadas.

A tecnologia assume, cada vez mais, um papel determinante também para os Marketeers. E a sua Organização, está preparada para desenvolver uma estratégia inovadora e com maiores vantagens competitivas?

 

Carla Fonseca
Marketing Director
Blog