12 Dezembro 2019

A importância de um Design System

O design é, nos dias de hoje, uma área de elevada complexidade que envolve diferentes competências e áreas profissionais, com aplicabilidade direta em muitos dos setores de atividade. Neste sentido, este artigo pretende esclarecer o que é um design system e qual a sua importância.

No contexto de desenvolvimento de produto as empresas compreendem agora que existe uma relação direta entre o design e o valor acrescentado de uma determinada experiência de utilização, bem como a sua influência na satisfação e antecipação das necessidades dos utilizadores. Os designers estão inteiramente dedicados ao levantamento de requisitos técnicos, de negócio e de usabilidade numa relação de compromisso com a qualidade das funcionalidades dos entregáveis de cada projeto. Adicionalmente, existe uma velha preocupação inerente à génese da sua atividade: o respeito pelas linhas gráficas orientadoras de uma marca, produto ou serviço.

Neste campo, longe ficaram já os manuais de normas em formato de papel e a definição de regras para offline media. A transformação digital trouxe consigo a constante necessidade de desenvolvimento de novos produtos e serviços digitais, muitas vezes produzidos por equipas de fornecedores diferentes.

Esta situação acarretou, na verdade, alguns dissabores relacionados com a impossibilidade de manutenção da coesão da marca, com a criação de padrões de usabilidade entre serviços e com a difícil correção ou inovação dos serviços criados.

A rapidez de desenvolvimento e a escalabilidade dos produtos tornou-se nesse momento uma utopia projetada no universo de equipas, tecnologias, frameworks, metodologias de desenvolvimento e estilos de design associados aos desenvolvimentos de uma só empresa.

Efetivamente, as empresas estavam, por um lado, a perder o controlo sobre a eficácia e a coesão dos produtos e, por outro, a verificar a impossibilidade de a reaver pelas suas próprias mãos. Relativamente a este último ponto, a verdade é que o desenvolvimento web é vasto em número de tecnologias, competências e métodos exigindo, quase sempre, a contratação de profissionais especializados para o seu desenvolvimento.

Foi neste contexto de adaptação aos paradigmas digitais que surgiu o desenvolvimento modular e, consequentemente, a solução para a uniformização do desenvolvimento web: o design system.

 

Mas afinal o que é um Design System?

 

design system é um sistema digital contributivo composto por linhas orientadoras visuais e tecnológicas, documentação e recursos estruturados num kit de ferramentas para a uniformização da comunicação, do desenvolvimento e para a criação de experiências de utilização adequadas aos utilizadores finais de uma determinada marca.

design system

 

Quais são as vantagens de um Design System?

 

  • Manutenção da Identidade da Marca: a criação de um design system pressupõe a criação de regras visuais e, como resultado, a definição de padrões de comunicação visual transversais a todos os desenvolvimentos.
  • Redução da carga cognitiva:a utilização de um design system pressupõe a disponibilização de uma experiência fluída e com a capacidade de redução gradual da necessidade de pensamento para a execução de determinadas ações.
  • Eficácia da comunicação entre equipas de desenvolvimento: a partir do momento em que o design system se apresenta como a base de conhecimento partilhado entre toda a equipa de desenvolvimento e define os pressupostos de conceção dos projetos, a facilidade de comunicação entre equipas e a uniformização dos seus métodos aumenta consideravelmente. O design system ajuda as empresas a criar pontes entre equipas.
  • Redução dos Custos de Design: a criação de um design system significa a redução do esforço de design e, consequentemente, a redução dos custos de desenvolvimento na medida em que existe um UI kit disponível para aplicar em todos os projetos.
  • Redução de Custos de Desenvolvimento: poderá reduzir a duração de um projeto em 50%, representando uma diminuição de custos substancial. Os developers não precisam, na verdade, de tomar decisões de design e de estrutura de desenvolvimento front-end ficando inteiramente dedicados e focados na implementação dos componentes existentes.
  • Testes de qualidade mais rápidos e com correções de baixo impacto: design system garante uma alteração considerável no tempo dedicado aos testes de qualidade uma vez que os componentes utilizados são estáveis, têm controlo de versionamento e podem ser testados com scripts automáticos.
  • Esforço de aprendizagem: o esforço associado à aprendizagem das metodologias e linhas orientadoras é reduzido pela disponibilização de todas as ferramentas e descrição das etapas para o desenvolvimento.
  • Reutilização de componentes: a difusão do desenvolvimento modular e a reutilização de componentes de acordo com a abordagem de Brad Frost, Atomic Design. Na prática, a criação de um único componente capaz de servir as mais diversas plataformas sem um grande esforço de adaptação.
  • Redução de inconsistências tecnológicas e de layout: a existência de um mapa de desenvolvimento e customização permite a redução de inconsistências em número e em impacto sobre a solução desenvolvida e no esforço associado à sua correção.

design system

Objeções ao desenvolvimento de um Design System

 

  • Preciso de uma máquina do tempo para corrigir o passado: a primeira e mais comum objeção que recebemos comofeedback sobre a apresentação de um design system é a impossibilidade de rápida correção dos desenvolvimentos passados. A verdade é que o design system precisa de ser encarado com uma preparação para o futuro e não como uma medida corretiva do passado.
  • Como assim? Vão limitar a minha criatividade?: a criação de marcas bem sucedidas sempre pressupôs, de algum modo, a limitação criativa e em bom rigor essa é a razão pela qual a mesma pode ser recordada por meio da repetição e do recurso à memória permitindo, a médio-prazo, a criação de notoriedade seja ela assistida ou espontânea.
  • Exigem uma grande necessidade de planeamento e formação: a criação do planeamento para o desenvolvimento de um design system assenta numa abordagem de desenvolvimento modular e na priorização de desenvolvimentos. A partir do momento em que encaramos o projeto como uma solução contributiva incremental percebemos que o benefício está no facto deste ser orientado ao desenvolvimento de acordo com as necessidades e não da construção de uma solução estanque e e completa desde o primeiro momento.
  • As minhas equipas não têm conhecimento nessas áreas: design system integra todas as ferramentas necessárias para que saibamos como desenvolver um determinado projeto numa dada tecnologia. Na verdade, o objetivo principal desta ferramenta é exatamente capacitar equipas sem conhecimento em experiência de utilização e interfaces gráficas para a implementação de soluções de qualidade enquadrados nas regras de uma marca.

 

Em suma, o design system assume-se atualmente como uma poderosa ferramenta para a redução da complexidade de desenvolvimento e para a capacitação das equipas das melhores práticas de implementação de soluções tecnológicas. O objetivo é, em última análise, a difusão de uma linguagem comum e o entendimento partilhado sobre os benefícios de uma abordagem orientada ao cliente, ao invés da antiga orientada ao projeto.

A criação de um design system significa “vestir a camisola”, entender o desenvolvimento de projetos como uma responsabilidade contínua sobre a performance das soluções e a qualidade da comunicação para com os nossos clientes.

 

    
            Sónia Silva         
     Full Stack Designer