11 Julho 2016

Configuração do Cognos TM1 Enterprise para Users de Active Directory

O Cognos TM1 Enterprise não tem a possibilidade de ligação direta com a Active Directory (AD) ao contrário do Cognos Express.

Assim para a autenticação do TM1 Enterprise funcionar com a AD, temos que efetuar várias configurações tanto no TM1 como no Cognos BI.

Configurações necessárias no TM1

       1. No ficheiro c:Servidor_TM1\tm1s.cfg do servidor do TM1, colocar a seguinte configuração:

IntegratedSecurityMode=5

ServerCAMURI=http://<nome da máquina>.<rede do cliente>:9300/p2pd/servlet/dispatch

ClientCAMURI=http:// <nome da máquina>.<rede do cliente>:9300/p2pd/servlet/dispatch

  • IntegratedSecurityMode=5, indica que a segurança do TM1 pode ter grupos e utilizadores ao nível do TM1, mas também permite ter grupos do Cognos e users da AD.
  • O campo ServerCAMURI é uma configuração que permite ao servidor aceder aos grupos e utilizadores Cognos BI.
  • O campo ClientCAMURI é a configuração que permite as ferramentas cliente do TM1 aceder aos users de AD no Cognos BI.

 

      2. Após esta configuração efetua-se Stop e Start do servidor do TM1:

 

       3. De seguida no Architec, faz-se login com o user da AD:

Nota-se que como é a primeira vez que efetuamos login com o utilizador de AD, este não irá ver qualquer objetos no Architec. Deste modo, temos que dar permissões de ADMIN a este utilizador para poder aceder a todos os objetos implementados no TM1.

Assim, como o utilizador já se encontra na matriz de mapeamentos de “Clients/Groups”, só temos que lhe dar permissões de ADMIN.

Para isso efetuam-se os seguintes passos:

  • Ir novamente ao ficheiro de configuração tm1s.cfg do servidor TM1, e colocar IntegratedSecurityMode=1 (este tipo indica que o TM1 só recebe segurança a users e grupos só ao nível do TM1), de seguida efetua-se o stop e start ao servidor do TM1.
  • De seguida vamos a matriz de clientes/grupos e colocar o user como Admin.

       4. Vamos novamente ao ficheiro C:Servidor_TM1\tm1s.cfg e colocamos a configuração como no ponto 1.

       5. Stop e Start ao servidor do TM1;

       6. No fim podemos fazer login ao Servidor com o user já com as permissões de Admin assim ele já se consegue ver o projeto todo implementado.

       7. No ficheiro tm1p.ini colocar a seguinte configuração:

              CognosGateWayURI = <URL do Cognos BI>

Configurações necessárias no Cognos BI

      1. Em primeiro lugar devemos instalar as ferramentas cliente do TM1 no lado do servidor do Cognos BI.

      2. No Cognos BI efetuar o unzip do bi_interop.zip que está na pasta da instalação do TM1 e copiar para a raiz de instalação do Cognos BI.

      3. No ficheiro fpmsvc_config.xml do TM1 configurar o gateway uri para:

              Gateway uri= “<nome da máquina do servidor de tm1>.<rede>:<porta>.isapi.dll

              Após as configurações, as aplicações do TM1 vão estar disponíveis, também, no portal do Cognos BI (aparece uma pasta com todas as aplicações do TM1).

              Deste modo, o utilizador tem duas possibilidades de aceder as aplicações do TM1, ou seja, pode aceder as aplicações do TM1 no portal do Cognos BI e também pode aceder no                   portal do TM1 Applicactions.

              Findo isto, a autenticação do TM1 já pode ser feita através da AD.

Executar Externamente Processos de Turbo Integrator com Login de AD

Por vezes é importante executar processos de Turbo Integrator externamente com um simples click. Mas por vezes, ao existirem vários tipos de autenticação, pode dificultar essa execução externa, principalmente ao ter autenticação de AD.

Assim, a solução criada para a execução de processos de TI externamente com a autenticação de AD foi a seguinte:

Criação de um ficheiro .bat com o seguinte comando:

“diretoria do ficheiro tm1runti.exe que está na instalação do TM1 ex: C:\Program Files (x86)\IBM\Cognos Express\bin64\tm1runti.exe” –process -adminhost -server -user -CAMNamespace -pwd

No fim do ficheiro basta colocar: pause.

Assim pode-se executar o ficheiro de TI externamente através de um ficheiro .bat.

.
.
.
.
.
.
.
       Ana Ventura
        Consultant